Jamais vou tirar minha vida: ela já fez morada em mim (pelo menos em duas ocasiões; era pequeno, ajoelhei ao pé da cama, as mãos estavam juntas como um livro fechado. Na outra sentado na escada, grama em volta, tinha um livro no colo. Eram 15 de janeiro de um ano bom). Jamais vou tirá-la, mas não nego respeito aos que conseguem. Fácil generalizar na covardia. Impossível conceber angústia infinita. Você já concebeu? Angústia. Infinita. Eu sei que não. Tua vida é rasa, tua mente pequena. Não vai perscrutar o corpo auto-adormecido, jamais. Nem merece, vá embora. Vira a cara pro outro lado, vá ver televisão, passear com teu cachorro na rua.

A angústia infinita existe. É que a vida já fez morada em mim.

.

E.N.

Anúncios

comente (;

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s